Dra Raquel Rizzi falou sobre a importância do momento para a profissãoDra Raquel Rizzi falou sobre a importância do momento para a profissão

Destaques foram as palestras de ministrantes da Europa e as diversas experiências de farmacêuticos em todo o Brasil

Os dias 20, 21 e 22 de janeiro foram marcados pelo lançamento das ações comemorativas em homenagem ao Dia do Farmacêutico. O ponto de partida foi o Simpósio “Serviços Farmacêuticos – Evolução, Desenvolvimento e Perspectivas”, seguido pelo III Ciclo de Palestras ABC e CRF-SP, e o "Seminário sobre o Presente e Futuro da Profissão" reuniram profissionais e autoridades na Universidade Anhembi Morumbi, em São Paulo (SP), no dia 20, e no plenário do CRF-SP, no dia 22.  

A diretora regional de Marília, dra. Mafalda Biagini (ao centro), foi homenageada com a Comenda ao Mérito FarmacêuticoA diretora regional de Marília, dra. Mafalda Biagini (ao centro), foi homenageada com a Comenda ao Mérito Farmacêutico

Pela primeira vez, maior honraria da profissão farmacêutica é entregue a um diretor regional do CRF-SP

 


A tradicional cerimônia do Conselho Federal de Farmácia em comemoração ao Dia do Farmacêutico em 20 de janeiro foi marcada pela presença de mais de 1.500 pessoas, entre autoridades políticas e farmacêuticos homenageados com as comendas da Ordem do Mérito Farmacêutico Internacional e do Mérito Farmacêutico. 

 

Na quarta-feira (20 de janeiro), a partir das 8h, na Universidade Anhembi Morumbi, na capital, acontece o simpósio “Serviços Farmacêuticos – Evolução, Desenvolvimento e Perspectivas”, com a participação de palestrantes internacionais e autoridades brasileiras.

Entre as palestras mais aguardadas da programação desta quarta-feira estão a do holandês dr. Dick Tromp, presidente da EuroPharm Forum, que abordará “Presente e futuro da prática farmacêutica na Europa – Perspectivas e Desafios”, e a do português dr. Carlos Maurício Barbosa, presidente da Associação Profissional de Portugal, que falará sobre “O presente e o futuro da profissão farmacêutica em Portugal”.

Cerca de 80 pessoas assistiram à palestra ministrada em Ribeirão PretoCerca de 80 pessoas assistiram à palestra ministrada em Ribeirão Preto

A atualização profissional também faz parte da comemoração e para isso, o CRF-SP oferece gratuitamente uma série de palestras com o tema “Serviços Farmacêuticos – Evolução, Desenvolvimento e Perspectivas”, ministradas desde 12 de janeiro nos municípios onde estão as 23 Seccionais do CRF-SP.

Parabéns, farmacêutico!Parabéns, farmacêutico!

 

 

CRF-SP homenageia o farmacêutico com ações publicitárias, palestras de altíssimo nível na capital e interior,  seminário com farmacêuticos internacionais e jantar de confraternização

Empresas detentoras do registro de produtos para saúde serão obrigadas a notificar qualquer ocorrência de eventos adversos e queixas técnicas, relacionadas a seus produtos, que tenham conhecimento. É o que prevê a Resolução RDC 67/2009 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), publicada no dia 23 de dezembro de 2009.

 Para isso, as empresas deverão organizar um sistema próprio de detecção, avaliação e prevenção de problemas relacionados aos eventos adversos de produtos para saúde. Com essa ação, a Anvisa pretende ampliar o acesso as informações relacionadas a problemas de desempenho associados a produtos para a saúde no Brasil.

Evento em São João da Boa Vista recebeu mais de 50 participantesEvento em São João da Boa Vista recebeu mais de 50 participantesCRF-SP inicia o ciclo de palestras em homenagem ao farmacêutico. Programação envolve eventos sobre serviços farmacêuticos em todo interior e grande simpósio na capital com destaque para os palestrantes internacionais

 

 

No dia 12/01, Fernandópolis e São João da Boa Vista foram o ponto de partida do X Encontro Paulista de Farmacêuticos, que acontece nos meses de janeiro e fevereiro nas 23 Seccionais do CRF-SP em todo o Estado de São Paulo. Neste ano, o tema escolhido foi “Serviços Farmacêuticos: Evolução, Desenvolvimento e Perspectivas”, em função da publicação da RDC 44/09.

Pelo segundo ano consecutivo, o CRF-SP e o Instituto Racine firmam parceria para oferecer 10 bolsas de estudo de cursos de pós-graduação e intensivos, com desconto de 50% no valor das mensalidades.

Os benefícios serão concedidos na forma de sorteios que serão realizados ao longo da programação do X Encontro Paulista de Farmacêuticos, entre os meses de janeiro e fevereiro. Também serão sorteadas bolsas de estudo durante o Jantar do Farmacêutico, que acontece no dia 29 de janeiro.

Prazo para envio de sugestões encerra-se em 6/02/2010Prazo para envio de sugestões encerra-se em 6/02/2010CVS-SP recebe sugestões para atualizar portaria que define farmacovigilância para detentores de registro de medicamentos localizados em São Paulo

 


Está em andamento a Consulta Pública nº 1, publicada pelo Centro de Vigilância Sanitária (CVS) do Estado de São Paulo na edição de 6 de janeiro de 2010 no Diário Oficial do Estado (DOE). A publicação tem por objetivo receber sugestões e críticas referentes à proposta de portaria relativa à atualização do fluxo de notificações em farmacovigilância para os detentores de registro de medicamentos instalados no Estado de São Paulo.

aedesaedesO CRF-SP tem promovido e apoiado ações para o controle da dengue no Estado de São Paulo. A mobilização dos farmacêuticos soma esforços para o reconhecimento de seu trabalho em vigilância à saúde e controle da doença, seja na orientação à população, no encaminhamento aos serviços de saúde e/ou notificação.

Com a chegada do verão e da época de chuvas, os cuidados devem ser redobrados porque é justamente nesse período que o mosquito transmissor da dengue encontra condições mais favoráveis para proliferar. Devido à quantidade de casos notificados todos os anos, a dengue é uma das grandes preocupações de saúde pública no Estado.
O farmacêutico, enquanto profissional de saúde, deve atuar como agente multiplicador de informação, orientando corretamente a população quanto aos sinais e sintomas da dengue, sobre o uso correto de medicamentos e sobre a necessidade de procurar os serviços de saúde.

Pacientes que procurarem a farmácia com suspeita de dengue devem ser encaminhados para o serviço de saúde mais próximo para coleta de sorologia e notificação.

CONHEÇA OS SINTOMAS DA DENGUE

  • Febre
  • Dor nas juntas
  • Dor de cabeça
  • Dor atrás dos olhos
  • Dor muscular

SINAIS DE ALERTA

  • Vômitos intensos
  • Sangramentos
  • Manchas escuras na pele
  • Fezes escuras
  • Dor abdominal
  • Pele fria e pálida
  • Tontura
  • Agitação

Os sinais de alerta acima citados podem surgir a partir do terceiro dia da doença e sugerem piora da doença. Caso apresente um deles, procure atendimento médico de urgência o mais breve possível.

EM CASA TENHA OS SEGUINTES CUIDADOS

  1. Fique em repouso
  2. Beba pelo menos 2 litros de líquido por dia, água, chá, suco e soro caseiro
  3. O soro caseiro pode ajudar. Dissolva em 1 litro de água fervida 1 colher de sopa de açúcar e 1 colher de café de sal
  4. Tenha uma alimentação rica em frutas e sucos
  5. Banhos de 20 minutos e compressas de toalhas ajudam a baixar a febre
  6. Se utilizar antitérmicos, não ultrapasse a dose e os horários recomendados
  7. Não usem medicamentos que contenham ácido acetilsalicílico
  8. Fique atento aos sinais de alerta

(Fonte: Sucen-SP)

MATERIAIS DE APOIO

 

Vista aérea de S. Luiz do Paraitinga após as fortes chuvas que assolaram a cidade (Foto: Reprodução TV Globo)Vista aérea de S. Luiz do Paraitinga após as fortes chuvas que assolaram a cidade (Foto: Reprodução TV Globo)A Seccional São José dos Campos do CRF-SP recebe doações para São Luiz do Paraitinga, município do Vale do Paraíba que teve o centro histórico submerso devido às fortes chuvas que atingiram a região no início de janeiro. Os produtos de maior necessidade são materiais de limpeza e de higiene pessoal.

A Seccional São José dos Campos fica na Avenida Dr. João Guilhermino, 429 – Sl. 31 – Centro.

Informações pelo tel.: (012) 3942-2792.

Horário: segunda a sexta-feira, das 8h30 às 18h; sábado, das 9h às 12h.

Selo de Qualidade e Excelência no Ensino FarmacêuticaSelo de Qualidade e Excelência no Ensino FarmacêuticaCurso de Farmácia da Unifev é o primeiro do interior a receber o Selo de Qualidade e Excelência no Ensino Farmacêutico, criado pelo CRF-SP

O Centro Universitário de Votuporanga (Unifev) foi a segunda Instituição de Ensino Superior do Estado de São Paulo a ser contemplada com o Selo de Qualidade e Excelência no Ensino Farmacêutico concedido pelo Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo (CRF-SP). A universidade foi a primeira do interior a receber, já que o primeiro Selo foi entregue em setembro na capital à Universidade Anhembi Morumbi.

 

 

Uma nova resolução publicada pela Anvisa no final de dezembro passado determina novas regras para a rotulagem de medicamentos. Trata-se da RDC 71/09, que tem por objetivo possibilitar a identificação adequada na dispensa medicamentosa, com embalagens contendo informações sobre o uso, armazenamento, rastreamento (desde a fabricação até o consumo) e advertências.

 

As empresas terão 540 dias para fazer as novas adaptações.

Medicamento é indicado para o tratamento da gripe A (H1N1)Medicamento é indicado para o tratamento da gripe A (H1N1)A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) acaba de incluir o medicamento oseltamivir, indicado para o tratamento da gripe A (H1N1), na lista C1. Desse modo, medicamentos que contenham a substância ficam sujeitos à venda sob receita de controle especial, em duas vias, com validade de até cinco dias após a data de emissão.

 

A medida resulta da última atualização da Lista de Medicamentos Sujeitos a Controle Especial.

Duas decisões recentes na Justiça mantiveram válidas, ao menos em dois estados, as novas regras para farmácias e drogarias estabelecidas pela RDC 44/09 da Anvisa.

No Rio de Janeiro, os estabelecimentos filiados à Associação do Comércio Farmacêutico do Estado do Rio de Janeiro (Ascoferj) estão novamente obrigados a cumprir a nova normativa, depois que o juiz federal da 4ª Vara da Seção Judiciária do Distrito Federal indeferiu a liminar que os permitia comercializar produtos não relacionados à saúde, contrariando os termos da Lei Federal 5991/73.

Disponibilização de bulas em áudio atende à RDC 47/09Disponibilização de bulas em áudio atende à RDC 47/09A Fundação para o Remédio Popular - FURP, vinculada à Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, acaba de lançar um sistema inédito no setor público, de bulas em áudio, que serão disponibilizadas para a população com dificuldades de leitura e que necessita receber as informações dos medicamentos.

Esse sistema, além de atender pessoas com deficiência visual, será disponibilizado para idosos com dificuldade de leitura, pessoas com baixa visão, com problemas motores e também analfabetos.

 

Uso da talidomida foi a causa do nascimento de inúmeras crianças com deficiências físicas na década de 60Uso da talidomida foi a causa do nascimento de inúmeras crianças com deficiências físicas na década de 60Em sessão realizada na última semana, o Senado aprovou o Projeto de Lei 156/06, de autoria do senador Tião Viana (PT-AC), que obriga a União a indenizar por dano moral pessoas que adquiriram algum tipo de deficiência física provocada pelo uso da talidomida.

 

O medicamento foi utilizado indevidamente na década de 60, indicado para o alívio de enjoos matinais em gestantes. Após o nascimento de inúmeros casos de bebês com deficiências, entre as quais encurtamento de braços e pernas, a talidomida foi retirada do mercado em 1965, quando foi confirmado que o medicamento causava malformações fetais.

Projeto de lei determina que a indústria farmacêutica terá 12 meses para se adaptar à nova regra a partir da publicação da leiProjeto de lei determina que a indústria farmacêutica terá 12 meses para se adaptar à nova regra a partir da publicação da leiO Projeto de Lei 7029/06, que obriga a indústria farmacêutica a fabricar medicamentos em embalagens que permitam o fracionamento, bem como a dispensação de medicamentos fracionados em farmácias e drogarias, foi aprovado pela Comissão de Seguridade Social da Câmara dos Deputados na manhã de hoje, 16 de dezembro, na forma de substitutivo do relator, o deputado federal Arnaldo Faria de Sá (PTB-SP).

 

A votação foi precedida pela intensa mobilização de profissionais da área, que foram a Brasília conversar com os deputados da Comissão e expor a necessidade de que fossem alterados alguns trechos do substitutivo. A diretoria do CRF-SP esteve representada pelo diretor-tesoureiro dr. Pedro Menegasso, e pela secretária-geral, dra. Margarete Akemi Kishi, que fazem parte da Comissão Parlamentar do Conselho Federal de Farmácia (CFF). 

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) lançou no dia 16 de dezembro o Cadastro Nacional de Vigilância Sanitária, que será a base geral de identificação de pessoas físicas e jurídicas ligadas à Agência.

O sistema abrangerá todos os serviços disponibilizados pela Anvisa e que antes eram independentes entre si, como o Sistema Nacional de Gerenciamento de Produtos Controlados (SNGPC) e o Sistema de Notificações para a Vigilância Sanitária (Notivisa), entre outros.