Seminário debate a importância da testagem e acompanhamento de pacientes na pandemia de covid-19

 

Imagem mostra o print da tela com os participantes do primeiro dia de seminárioImagem mostra o print da tela com os participantes do primeiro dia de seminárioSão Paulo, 23 de setembro de 2021.

O CRF-SP realizou entre os dias 20 e 21 de setembro o Seminário de Análises Clínicas e Toxicológicas, evento on-line que contou com a participação de importantes especialistas da área que debateram a importância da testagem e acompanhamento de pacientes no contexto da pandemia de covid-19.

O primeiro dia de evento teve a moderação do Dr. Paulo Brandão, especialista da área e coordenador do Grupo Técnico de Trabalho de Análises Clínicas do CRF-SP. A abertura do seminário contou com a participação da diretoria do CRF-SP. Dr. Marcelo Polacow, vice-presidente do CRF-SP deu as boas-vindas aos participantes e enfatizou que a área de Análises Clínicas é muito importante e tem um espaço definido dentro do planejamento estratégico do Conselho. Dra. Danyelle Marini, diretora-tesoureira, disse que a área é um eixo de formação de destaque na área farmacêutica. Dra. Luciana Canetto, secretária geral, lembrou que os profissionais da área tiveram um papel relevante durante a pandemia de covid-19.

Dr. Marcos Machado, presidente do CRF-SP e profissional especializado na área lembrou de sua participação na Comissão de Análises Clínicas do Conselho até chegar à presidência da entidade. “Há 18 anos fazemos anualmente o seminário de Análises Clínicas e dando o destaque merecido para a área”, disse. O presidente também foi o primeiro palestrante do evento apresentando o tema “Anticorpos neutralizantes a importância pós-vacinação”. Ele disse que as doenças virais trazem mudanças importantes no conhecimento da imunologia diagnóstica, que antes da covid-19 dificilmente se falava em anticorpos neutralizantes e que essa metodologia, embora já conhecida no munda da pesquisa e laboratórios de referência, era desconhecida do mundo prático das análises clínicas.

Dr. Sandro Jorge Januário, mestre em pesquisas laboratoriais e vice-coordenador do Grupo de Trabalho de Análises Clínicas e Toxicológicas do CRF-SP, apresentou o tema: “Vigilância Genômica Viral e o Teste de Genotipagem em Virologia: Papel do Laboratório Clínico na Vigilância Epidemiológica nas Epidemias e Pandemias”. O especialista focalizou sua exposição sobre as áreas de hematologia e da biologia molecular, especialmente nos testes de genotipamente. “O laboratório clínico de biologia molecular é fundamental para estudar doenças como a aids e covid-19, pois contribui para a identificação das mutações dos vírus e como elas podem impactar na saúde pública”, comentou.

Logo depois, finalizando o primeiro dia de seminário, a Dra. Emily de Almeida, apresentou o tema: “A importância dos laboratórios no acompanhamento de pacientes com sequelas pós covid-19”. A palestrante que é farmacêutica clínica em oncologia e vice-coordenadora do Grupo Técnico de Farmácia Clínica do CRF-SP destacou a relevância do acompanhamento do farmacêutico clínico na terapêutica “deste o diagnóstico da covid-19, durante o tratamento, que pode ser leve, moderado ou grave, e também no período de recuperação do paciente”, afirmou.Imagem mostra o print de tela com os palestrantes do segundo dia de seminárioImagem mostra o print de tela com os palestrantes do segundo dia de seminário

O segundo dia do evento, contou com a moderação da Dra. Silvia Cardoso, membro do Grupo Técnico de Trabalho de Análises Clínicas e Toxicológicas, e as exposições foram iniciadas com a palestra do Dr. Eduardo Lani Volpe da Silveira, docente do Departamento de Analises Clinicas e Toxicológicas da Faculdade de Ciências Farmacêuticas da USP, com o tema “Imunidade celular na covid-19”. Ele apresentou um apanhado geral do que já foi descoberto na literatura sobre a pandemia, como o mapeamento de dados no mundo, como ocorre a infecção, qual a importância do uso de máscaras para evitar a transmissão do vírus, sintomas nos casos graves, dentre outras importantes informações sobre a doença.

Dr. Filipe Garcia, presidente do grupo de laboratórios Giplab, membro do GTT de Análises Clínicas e Delegado Adjunto do CRF-SP, apresentou a palestra “Testes para covid-19: testes rápidos, sorológicos, antígenos e PCR”, mostrando sua vivência em laboratórios e suas descobertas no trabalho cotidiano com os pacientes. “Basicamente os tipos de exames respondem se o paciente está doente e contaminando outras pessoas, ou se adquiriu os anticorpos após a infecção ou vacina”.

Finalizando o evento, o Dr. Paulo Aparecido Brandão Pinto, especialista e coordenador do GTT de Análises Clínicas do CRF-SP, apresentou a palestra “Hemograma e Dímero D: a importância na covid-19”. “A covid-19 é uma doença que nos traz ainda muitos questionamentos. A cada dia aprendemos mais com dados e informações novas sobre a doença”, concluiu

As palestras do Seminário de Análises Clínicas continuam disponíveis no canal do Youtube do CRF-SP e podem ser acessadas livremente.

Clique aqui e veja o primeiro dia de Seminário

Clique aqui e veja o segundo dia de apresentações


Carlos Nascimento
Departamento de Comunicação CRF-SP

CLIQUE AQUI PARA CONSULTAR OUTRAS NOTÍCIAS 


Fique atualizado sobre capacitações e informativos importantes do CRF-SP. Participe do grupo de WhatsApp e mantenha-se informado

Ingressando no grupo você dá consentimento para que todos os integrantes tenham acesso ao seu número de celular.

https://chat.whatsapp.com/I9Iuyd79HbkBeDfIgzVbbA