Criação de nova área contribui para revisão de processos e melhoria da gestão, além de maior transparência nas contas do CRF-SP

 

São Paulo, 31 de julho de 2019.

Conceito moderno cada vez mais presente no mundo corporativo, seja no setor público ou na iniciativa privada, a governança corporativa pode ser entendida como um conjunto de processos, costumes e leis que norteiam a forma como uma organização é administrada com objetivo de obter eficiência nos processos, adesão plena aos princípios éticos e máxima transparência nas ações. No CRF-SP, essa área foi criada no início de 2018 e desde então tem se consolidado como uma importante ferramenta de gestão.

A Secretaria de Governança Corporativa tem atuado na revisão de processos com objetivo de melhorar a gestão da entidade, com reflexos diretos na qualidade do atendimento aos farmacêuticos e principalmente à sociedade, no aperfeiçoamento dos mecanismos de controle interno e de gestão de risco, além de garantir máxima transparência para as atividades desenvolvidas, como explica a gerente da área e farmacêutica Dra. Luciane Maria Ribeiro Neto: “O departamento foi criado justamente com a finalidade de implementar as melhores práticas de governança para entidades do setor público, conforme preconizado pelo Tribunal de Contas da União (TCU). Desta forma é possível avaliar, direcionar e monitorar a gestão, bem como atingir os objetivos estratégicos da instituição e tornar a gestão cada vez mais eficiente, eficaz e transparente”, afirma.

Dentre as melhorias já colocadas em prática desde a criação da Secretaria de Governança Corporativa estão:

- Revisão de todos os processos
- Revisão e/ou edição dos atos normativos do CRF-SP (Deliberações e Portarias)
- Instituição da Carta de Serviços ao Usuário (acesse)
- Monitoramento das ações geradas a partir de manifestações na Ouvidoria ou identificadas na Auditoria Interna
- Reformulação do portal para maior acessibilidade e transparência, garantindo a Primariedade, Integridade, Atualização, Disponibilidade e Autenticidade das informações.

Dra. Luciane reitera que a revisão dos processos é um trabalho contínuo. “Temos um cronograma de revisão dos processos, para que os gestores revisem frequentemente os procedimentos adotados na busca de maior eficiência.”

Um dos projetos nos quais a secretaria de governança atualmente trabalha é o aperfeiçoamento da gestão dos documentos e dos procedimentos de segurança da informação. “Uma adequada gestão dos documentos contribui para incrementar a eficiência, garante a rastreabilidade e prioriza a sustentabilidade. Além disso, o CRF-SP é fiel depositário de importantes informações e queremos aperfeiçoar nossos processos internos para garantir máxima segurança destas informações”.

 

Departamento de Comunicação CRF-SP

CLIQUE AQUI PARA CONSULTAR OUTRAS NOTÍCIAS